Projeto de agricultura familiar da Klabin no PR recebe Selo de reconhecimento

O programa “Matas Sociais – Planejando Propriedades Sustentáveis” de incentivo à agricultura familiar, promovido pela Klabin, no Paraná, foi reconhecido com o Selo SESI Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, em Curitiba. A premiação destina-se a instituições que possuem práticas voltadas à promoção dos ODS, agenda global da Organização das Nações Unidas (ONU) para o desenvolvimento sustentável do planeta em suas três dimensões: econômica, social e ambiental.

O projeto da Klabin auxilia pequenos produtores rurais dos municípios de Ortigueira, Imbaú e Telêmaco Borba em todas as etapas de produção, desde a obtenção do Cadastro Ambiental Rural (CAR), passando pela diversificação da propriedade, incentivo ao associativismo/cooperativismo e tendo, como objetivo final, a comercialização da produção nos mercados locais.

Em pouco mais de dois anos de atuação, já são 230 propriedades atendidas e mais de 50 ações de capacitação envolvendo manejo agrícola, pecuária, produção orgânica, educação ambiental, entre outras. Um dos mais recentes resultados do programa é o início da comercialização realizado pela Cooperativa COCATIMEL, de Imbaú, e pela Associação dos Moradores do Lageado Bonito, de Ortigueira, com a empresa Sodexo, fornecedora de alimentação dos refeitórios das duas fábricas e da área Florestal da Klabin.

“O programa tem o mérito de aproximar agricultores familiares, que sabem e querem produzir, do mercado local de consumo, que demanda muitos produtos hortifrutigranjeiros, mas infelizmente ainda traz essas mercadorias de regiões mais longínquas”, observa Uilson Paiva, gerente de Relações com a Comunidade da Klabin. O Matas Sociais é realizado em parceria com o Sebrae, a Apremavi (Associação de Preservação do Meio Ambiente e da Vida) e a TNC (The Nature Conservancy).

 

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: