Professora da Rede Municipal conquista carro em prêmio estadual

Professora Flávia Corina Carvalho Vitkoski, da Escola Municipal José Pinto Rosas, foi premiada pela melhor experiência pedagógica na categoria ‘Solos’

As escolas públicas municipais de Ponta Grossa comemoraram nesta segunda-feira (30) mais uma vitória da Educação. A professora Flávia Corina Carvalho Vitkoski, da Escola Municipal José Pinto Rosas, no Parque Bonsucesso, foi premiada como autora da melhor experiência pedagógica no Programa Agrinho – categoria Solos, realizado em todo o Paraná há 22 anos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Ela ganhou um carro 0KM como prêmio pelo projeto, em evento no Expotrade Pinhais, em Curitiba.

“Este é um prêmio muito importante não somente para mim, mas para toda a nossa escola e, principalmente, para os nossos alunos. É um reconhecimento muito grande do trabalho que realizamos. Uma vitória de todos nós, comandada pela Secretaria Municipal de Educação, que está sempre nos incentivando. Nossa, estou muito feliz”, disse a professora. Flávia desenvolveu uma comparação dos tipos de solo e seu uso pelo homem, viabilizando uma horta e estudando os impactos da poluição ambiental no solo.

O prefeito Marcelo Rangel exaltou a conquista do Município. “A cidade de Ponta Grossa mais uma vez orgulha professores, pais, alunos e toda a família ponta-grossense, com as escolas municipais cumprindo seu papel. Mostra a responsabilidade que temos em levar uma educação de qualidade para todos, com todas as condições técnicas e de infraestrutura. Esta premiação, mais uma vez, coroa nosso trabalho. A cada dia que passa a Secretaria de Educação recebe mais reconhecimentos, devido ao desempenho que nossos professores e alunos estão alcançando, demonstrando que nossa escola está preparando nossa cidade para o futuro”, declarou Marcelo.

A secretária de Educação, Esméria Saveli, também destacou a premiação recebida. “O prêmio da professora Flávia representa o esforço de todas as professores da rede pública municipal de Ponta Grossa. É um desejo que sempre tivemos, ver nossas escolas e professoras recebendo premiações como esta, porque sempre soubemos que tínhamos este potencial e sempre tivemos uma educação de qualidade. Este reconhecimento é uma prova disso. Nada seria possível sem o apoio de toda a equipe da Secretaria e da escola, por isso, muito obrigada. É um reconhecimento a todos”, declarou a secretária.

Para a coordenadora do Agrinho dentro da SME, Aparecida Castanho, o número expressivo de resultados positivos mostra a maturidade das escolas municipais na questão Meio Ambiente. “Este resultado mostra que a escola está cumprindo sua função social, que é a preocupação de formar um cidadão consciente, preocupado com a sustentabilidade ambiental”, acredita.

Segundo ao coordenadora pedagógica da SME, Patrícia Freitas, a relevância da premiação se mostra pela qualidade do Programa Agrinho. “Além de valorizar a sustentabilidade, o Agrinho valoriza a participação ampla da escola e das famílias neste processo, levando as ações para a casa dos alunos, há 22 anos. Ponta Grossa sempre é premiada em suas participações e esta é a segunda vez que o município leva um automóvel. É uma valorização real da escola pública”, diz Patrícia.

 SEIS PRÊMIOS

Nesta edição, três redações dos alunos de Ponta Grossa e suas professoras foram premiadas no Agrinho e uma na categoria Agrinho Solos. Além da professora Flávia, A professora Vanessa Bonicoski, da Escola Municipal Deputado Mário Braga Ramos, também venceu na fase regional e também concorreu ao automóvel.

Nas redações, três são de alunas das escolas municipais na competição geral: Evelin Caroline Krevelin e a professora Patrícia Fernanda da Silva, do 3º ano da Escola Maria Elvira Schmidt; Maíse Moraes e a professora Franciele Aparecida Carneiro Stefanello, do 4º ano da Escola Agenoridas Stadler e Silviane de Andrade Teixeira Rodrigues com sua professora Adriane de Oliveira Bueno, do 5º ano da Escola Frederico Degraf. Na categoria Solos, João Victor da Silva, com a professora Ana Paula Besten, do 4º ano da Escola José Pinto Rosas, foram premiados.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: