14/12/2016
Aspa/PG é vice-campeã da Copa Sul-Brasil de Basquete Sub-12

Danilo Kravchychyn - Assessoria

A conquista do vice-campeonato da Copa Sul-Brasil de Basquetebol Sub-12 foi comemorada pela equipe da Aspa/Ponta Grossa, que fecha a temporada 2016 com a certeza de estar no caminho certo para recolocar o basquete princesino na condição de formador de craques para o esporte paranaense e brasileiro.

Jogando em Florianópolis, Santa Catarina, os ponta-grossenses venceram os confrontos com a Sogipa de Porto Alegre (44x35) e o Santa Rosa de Lages (53x25), perdendo o confronto final diante do IBBC de Florianópolis (37x51).

A equipe Sub-13 da Aspa/Ponta Grossa também disputou dois jogos amistosos com o campeão catarinense, com derrota por 59x67 e vitória de 43x38.

“Os meninos tiveram um grande desempenho e mostraram potencial para seguir brilhando nas categorias superiores”, fala o técnico Luiz Antonio Rodrigues Neto, o Passoka.

O treinador destaca o trabalho da Associação de Pais e Amigos do Basquetebol Ponta-grossense (Aspa) com a Fundação Municipal de Esportes (Fundesp) e o Colégio Sepam. “Atualmente nos reunimos apenas uma vez por semana devido a atividades dos garotos, mesmo assim os resultados estão aparecendo e devem ser ainda melhores em 2017 com a ampliação de núcleos de basquetebol nos bairros”.

Neste sentido foi importante conhecer a estrutura do Instituto Baby Basquetebol Cidadania (IBBC) numa parceria com a UDESC, reunindo crianças com idade entre 4 e 13 anos de comunidades carentes de Florianópolis. “Nos três dias do torneio pudemos sentir o envolvimento de ex-jogadores, dos pais dos atletas e de pessoas da UDESC no projeto”, completa Passoka.

COMPARTILHAR

ENVIE SEU COMENTÁRIO

NOME:
EMAIL:
MENSAGEM:
*Seu comentário será avaliado e aprovado antes de ser publicado. E somente aprovaremos comentários com o nome completo e o e-mail do leitor.
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira
responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Plantão da Cidade.