28/11/2016
“Inclusão social” é tema de ballet em Ponta Grossa

Assessoria

Na próxima sexta, dia 02 de dezembro, a Cia de Dança Fabíola Capri apresentará o espetáculo “Ausências”, às 20 horas, na Ordem dos Advogados do Brasil, em Ponta Grossa. Esta será a última apresentação do ano e discute a arte como um instrumento de inclusão social de pessoas com deficiência.

Para a bailarina Larissa Lemos, provocar esta reflexão é de grande relevância. “Nós temos uma consciência do nosso ‘corpo completo’. Sentimo-nos desafiadas pela proposta de isolar partes do nosso corpo, o que nos fez adaptar a falta de impulso e equilíbrio que esta ausência fazia, por exemplo”.

 As bailarinas fizeram laboratório intenso durante a concepção coreográfica. “Dançamos vendadas e a referência de espaço foi prejudicada pelo fato de não enxergarmos. Refletir sobre perder a memória fez com que todas saíssem abatidas após o ensaio”, comenta.

Para Fabíola Capri, diretora da Cia, levar este espetáculo para outros espaços fora do teatro contribui para a proposta de inclusão. “Esta experiência é muito importante e atrair públicos diferentes para espaços diferentes, que não estão habituados à arte, faz com que a inclusão ganhe mais um significado dentro de nosso espetáculo”, argumenta.

O público é convidado a se vendar e acompanhar coreografias que isolam os braços e as pernas. Para Eziquiel Ramos, produtor, esta interação com o público é fundamental “porque queremos ter sensações, emoções e sentimentos, por isto a participação do público torna cada experiência única e pessoal”, conclui.

Evento
Ballet Contemporâneo “Ausências”

02 de dezembro às 20 horas
Ordem dos Advogados – Oficinas
Entrada R$20 (inteira) R$10 (meia)

COMPARTILHAR

ENVIE SEU COMENTÁRIO

NOME:
EMAIL:
MENSAGEM:
*Seu comentário será avaliado e aprovado antes de ser publicado. E somente aprovaremos comentários com o nome completo e o e-mail do leitor.
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira
responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Plantão da Cidade.