Frio chega com força e derruba temperaturas na região

A semana começou com temperatura baixa no estado, e deve continuar durante a semana em todas as regiões paranaenses. O frio continua aumentando no final da tarde de segunda-feira (17) e, junto com ventos, a noite deverá ser muito gelada, inclusive com chance de geada negra na virada de segunda para terça-feira entre o sudoeste e sul paranaense.

Além disso, a combinação de umidade elevada e muito frio pode dar uma condição favorável para ocorrência de chuva congelada e/ou a possibilidade de queda de neve em alguns municípios da região sul, da divisa com Santa Catarina entre o fim da tarde e a madrugada de terça-feira. Geadas fracas a moderadas devem ser registradas nos setores de fronteira com o Paraguai e de divisa com Mato Grosso do Sul.

A intensa massa de ar frio se intensifica sobre o estado do Paraná durante a terça-feira (18) e avança por todas as regiões do Estado. Com isso há previsão de geadas desde o extremo noroeste até o extremo sudoeste, divisa com Santa Catarina. Apesar do frio também ser intenso nas regiões Sul, Centro, Campos Gerais e Metropolitana de Curitiba, não há previsão para ocorrência de geadas por causa da umidade elevada e do chuvisco durante a madrugada.

A forte massa de ar frio e seco se estabelece sobre a região Sul do País no decorrer desta quarta-feira. No Paraná o dia amanhece gelado em todas as regiões, com previsão de geadas moderadas a fortes no Sudoeste, Sul, Centro, Campos Gerais e Grande Curitiba. Também há previsão de geadas nas faixas oeste e norte.

O frio continua rigoroso em todo o estado do Paraná devido a atuação da forte massa de ar frio e seco. Apenas no Litoral não há previsão de geadas. Regiões Sul, Centro e Campos Gerais as geadas devem ser fortes.

Frio deve avançar pelo Brasil

O frio que chegou no domingo (16) ao sul do país ainda não atingiu o auge e deverá provocar temperaturas negativas ainda nesta segunda-feira, segundo previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A temperatura mais baixa registrada na última madrugada foi 0,8 ºC em Sâo José dos Ausentes, no nordeste do Rio Grande do Sul. Entre a tarde e a noite de hoje, o órgão prevê temperaturas negativas nos três estados sulinos, com possibilidade de até -5 ºC em algumas cidades serranas.

Em São Joaquim, na Serra catarinense, a mínima registrada no amanhecer desta segunda-feira, 17, foi de 3°C. Nas outras regiões do Estado, as temperaturas ficaram entre 3°C e 7°C. Conforme a previsão da Epagri/Ciram, a tendência é de o frio aumentar no decorrer da segunda-feira, com o avanço de uma intensa massa de ar frio de origem polar. A temperatura mínima do dia deve ocorrer à noite. Há previsão de neve nas partes altas de Santa Catarina, especialmente no Planalto Sul, entre à tarde e noite, devido à elevada umidade do ar e temperatura baixa.

O meteorologista Rogério Rezende, do 8º Distrito de Meteorologia do Inmet, explicou que a onda de frio é resultado de uma massa de ar com características polares que veio do Sul da Argentina.

Para o Inmet, a força demonstrada pela frente fria nos países vizinhos é uma mostra de que ela deverá avançar pelo Brasil e provocar queda de temperatura em várias regiões.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: